domingo, 16 de maio de 2010

Família, meu bem maior!

O dicionário apresenta mais de dez definições para a palavra FAMÍLIA. Em meu dicionário pessoal as definições são: pessoas que se amam e se respeitam, pessoas que se responsabilizam emocionalmente umas pelas outras, pessoas que se reconhecem como parte do universo do outro, pessoas que crescem juntas fisicamente e espiritualmente, pessoas que moldam suas personalidades através de experiências conjuntas... Enfim família é isso! O universo em que crescemos e que nos prepara para a vida.
A minha família é o meu alicerce e porto seguro. É interessante perceber que quando faço uma avaliação mais apurada do quanto as pessoas de minha família são essenciais em minha vida o meu amor aumenta. Cada um tem seu papel fundamental em tudo que sou e acredito.
Minha mãe, que não por acaso se chama Maria, é a personificação do amor. Amor com A maiúsculo. Mãezona daquelas que só de olhar para um filho faz uma leitura perfeita de sua alma, mais ainda, só de ouvir a voz. Nunca mede esforços para ver o brilho de felicidade nos olhos de seus filhos. Deus presenteou a mim e aos meus irmãos com esta mulher, que sempre nos mostra os caminhos da sabedoria. Ela nos preparou para sermos felizes! Distribuiu, ao longo de nossas vidas, lições e exemplos de caráter, dignidade, honestidade, humildade, altruísmo, ética, justiça, verdade, respeito ao próximo, amor a Deus e a família... Valores que foram arrumados por ela na bagagem de nossa existência. Meu pai também teve seus méritos e seus valores acrescentados, mas sempre a função de arrumar a bagagem foi dela.
Os meus irmãos são extensões de minha existência. Sou como um polvo e os meus irmãos são meus tentáculos, ou melhor, sustentáculos. Uma vez pedi a minha mãe que definisse cada filho com uma palavra. Como sempre e conhecendo como ninguém cada um de seus rebentos, ela realizou a tarefa com louvor. Definiu a minha irmã com a palavra GENEROSIDADE, o meu irmão do meio com a palavra SENSATEZ, o caçula com a palavra DETERMINAÇÃO e a mim com a palavra ALEGRIA. Um completa o outro sempre! Claro que as briguinhas na infância sempre ocorreram e hj as discordâncias ainda existem, mas vá dizer que um é feio para ver a briga que vai comprar...rsrs Somos unidos e é isso o que realmente importa. Estamos sempre disponíveis um para o outro! E quem chegou depois para ficar, como as minhas cunhadas e, recentemente, como a minha nora, foi acolhido com amor e acrescentou novas porções de afeto no tempero da família.
O melhor de tudo é que, por termos tido esta educação, onde o valor de família sempre foi muito bem trabalhado, temos a capacidade de transferir este valor aos nossos filhos. Desde o meu filho, que é o mais velho, até a caçulinha da família, todos tem este valor, mesmo que não tenham ainda entendimento. É, esse valor tem que ser transferido e correr nas veias desde a concepção...rsrs
Costumo dizer que a minha família parece uma família italiana, daquelas que se reúnem sempre por qualquer motivo e fazem barulho. As crianças correm pela casa, os adultos animados contam as últimas novidades, comem juntos, bebem juntos... Aliás, todo motivo para estarmos juntos é mais do que importante, é essencial. Mesmo quando estamos distantes, nos fazemos presentes de alguma forma.
Ter família é uma benção, como a minha é um presente divino. Por isso, tenho certeza absoluta que tudo pode faltar, mas nunca, nunca mesmo, faltará o amor de minha família, vibrando com as minhas conquistas e me amparando quando atravesso as noites escuras da vida. Isso me torna uma mulher mais forte e mais feliz!

5 comentários:

  1. Algumas pessoas vieram ao mundo com determinados dons. Katinha tem o dom da palavra, da escrita. O dom de nos fazer rir e chorar...de nos emocionar. Tudo contado por ela é melhor, é mais emocionante. Seus textos são como a sua vida...iluminada!

    ResponderExcluir
  2. Kátia,

    Gostei muito de seu blog. Serei sua seguidora.

    Bjos

    Paty - cunhada

    ResponderExcluir
  3. Belo texto. Parabéns pela família!

    ResponderExcluir
  4. Obrigada Amiga (com A maiúsculo).
    Depois destes meus dias, que vc bem sabe como estão, ler suas obras me revigora a alma.
    Bjs pufados.

    Ah... ainda temos aquela família que nosso Pai nos dá ao longo da vida, nossos amigos-irmãos, amigoas-pais e por aí vai...♥

    ResponderExcluir
  5. COMO VC SOU FELIZ POR TER UMA FAMÍLIA E UMA FAMÍLIA(com F maiúsculo ).Meus pais são meus ícones!!! Apesar da vida corrida que tenho morando em duas cidades e administrando 02 casas cm marido e filhinhos que me tiram o folego ,sempre acho tempo para ir ver meus pais uma vez na semana apenas pra jogar conversas fora ,deitar no velho sofá e ouvir as sábias histórias de minha mamy encrementadas pela de papy!!! sem falar nos manos que sempre que posso estamos juntos rezando,comendo e amando!!!bjssss te amo amiga!! CRIS

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails